Nenhum homem
uma ilha,
na sua totalidade.
(John Donne)